quinta-feira, 23 de abril de 2015



MOLUSCOS





Abaixo, a definição pela Wikipédia:

"Os moluscos (Mollusca, do latim molluscus, mole) constituem um grande filo de animais invertebrados, marinhos, de água doce ou terrestres, que compreende seres vivos como os caramujos, as ostras e as lulas.
Tais animais têm um corpo mole e não-segmentado, muitas vezes dividido em cabeça (com os órgãos dos sentidos), um muscular e um manto que protege uma parte do corpo e que muitas vezes secreta uma concha. A maior parte dos moluscos são aquáticos, mas existem muitas formas terrestres."

Lula é um molusco cefalópode, muito apreciado nas “varandas gourmet” deste “país varonil”, normalmente acompanhados de um bom Sauvignon Blanc.

Sou categórico. Não gosto de lula. Acho um animal asqueroso , gosmento. O que eu posso fazer? Já tentei experimentar mas... não desce. Para meu paladar tem um gosto assim de “nhonha”. Se não conhecem nhonha, informo que é parecido com “sdruvis”. Pode ser influência da super-exposição na mídia. Ver lula todo dia na tv... sabe como é. É lula para cá, lula para lá... 
Ouvi falar que há em Curitiba um restaurante especializado em lula no espeto. Dizem que é bem apimentado, a ponto de fazer todos que o provam abrir a boca e pedir água.

















Aqui em São Paulo há um novo petisco de boteco servido em dias especiais (como 15 de março ou 12 de abril, e o pessoal adepto do vermelho cut-cut o detesta), mas é muito apreciado lá pelas bandas da Av. Paulista: coxinha com recheio de lula. Afinal coxinha que se preze tem que ter recheio, (nada melhor que uma fritura para acalmar os nervos, e dizem que lula frita é deliciosa) e manifestar-se com a barriga vazia não dá. Também experimentei, para que não digam que sou preconceituoso, mas confesso, detestei. Tive que abrir a boca e colocar o raio para fora: - “FORA  DE UMA VEZ LULA e levem o PraTo junto”! Algo parecido com... “chamar o hugo” de tão enojado só de ver aquele negócio sebento, gorduroso. Só faltava ter barba e bigode.
Desde criança tenho um “pé atrás” com esse negócio de lula, coisa de corpo mole...disforme...você nunca sabe se está indo ou vindo... Me dá "írrcccc". Muitos tentáculos ameaçadores, prontos para me enredar carregando-me às profundezas pré salinas do Atlântico, lugar onde tudo é escuro como petróleo. 





Quando conheci o desenho do Bob Esponja por volta de 2002, por ter gostado do “cartoon” e ele ter um amigo chamado Lula o molusco, ingenuamente achei que talvez perderia essa aversão a lula. Mas, o molusco do lula é um chato de galochas no desenho: é metido a sabichão, acredita que o mundo existe graças a ele e para ele, vagabundo como ninguém, usurpador das idéias alheias, um ditador de regras que ele mesmo não segue, sem criatividade alguma, e se acha O Cara (o Barack Obama, dizem, é fã do personagem). Ninguém dá a ele um tostão furado, exceto os inocentes Bob Esponja e Patrick Estrela que insistem em tentar agradá-lo, apesar de serem constantemente humilhados pelo escroto. Em um episódio do desenho o molusco resolve fazer uma greve contra seu patrão sr. Sirigueijo, proprietário do restaurante "O Siri Cascudo" local de trabalho do Lula o Molusco e do Bob Esponja, e com a verborragia de um ativista detritívoro, convence o super motivado Bob Esponja, que adora seu trabalho e o faz com amor, a rebelar-se e fazer uma manifestação na frente do restaurante, espantando toda a clientela. O molusco, quando a coisa fica preta, coloca o pobre Bob Esponja servindo de “bucha de canhão” para enfrentar o patrão sr. Sirigueijo enquanto ele fica em casa tomando uns tragos. No final da estória, como nenhuma de suas reivindicações são atendidas, têm que voltar ao trabalho e ressarcir as perdas dos dias parados ao Sr. Sirigueijo, algo como 50 bilhões de dinheiros lá da Fenda do Bikini, que é onde vivem. Dizem que fica muito próximo dos campos do pré-sal, onde o Bob Esponja e o Patrick Estrela gostam de "caçar" água-viva. Aliás já convidaram o molusco diversas vezes para ir "caçar" água-viva com eles, mas, Lula o molusco diz que só gosta de "caçar" em águas turvas. Por sinal, ao primeiro sinal de perigo, o que ele faz é soltar sua tinta, turvando a água para acobertar sua fuga e desorientar seu opositor. É mesmo um bundão! Fazer o que? Coisas de desenho! Acho desenho algo tão educativo! 
Ahhhh. Ia esquecendo. Li duas notícias interessantes. Não tem nada a ver com o que eu estava escrevendo. Seguem os links.

Fui




Nenhum comentário:

Postar um comentário

Praça do Mercado.