quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Recontando a História (3)



Não tenho hábito de assistir TV, exceto, quando deito para dormir e daí são aproximadamente 5 minutos... e mesmo assim, não são canais abertos.
 
Hoje, excepcionalmente, enquanto cozinhava alguma coisa para jantar, liguei a TV da cozinha e assisti o noticiário.
Vi uma propaganda da Caixa Econômica Federal com a Camila Pitanga, falando sobre as vantagens de ser correntista da Caixa e, tendo um empréstimo junto ao banco, ter a chance de "dar um tempo" no pagamento das "prestações", caso esteja em uma situação financeira delicada". Ou seja, em outras palavras "se não tiver grana" para pagar o empréstimo.
Óbviamente devem haver condições para conseguir tal "benefício".
 
Não informam que os juros continuarão "correndo" durante o período integral, e que também a intenção deste comercial é clara e exclusivamente eleitoral!
 
No meu post anterior, falei sobre o regime nazista ter arregimentado artistas (escritores, atores, músicos etc.) favoráveis ao regime para ajudarem a propagandear as "virtudes" do sistema. Citei inclusive que "vemos artistas atualmente que fazem propaganda do governo petista". Não sei se o fazem porque acreditam, ou meramente por interesse pecuniário. Creio que alguns o façam por convicção, mas outros fazem apenas pelo dinheiro.
 
No caso desta propaganda com a Camila Pitanga, imagino ela, não tenha percebido que está sendo usada da maneira mais vil, (a menos que ela seja petista), pois estamos em vésperas de eleições e a propaganda da Caixa, "dá uma folga no pagamento do empréstimo dos correntistas" e essa propaganda sai justo agora? E não contam a história inteira, pois óbviamente os juros continuarão correndo durante a trégua... Engodo, mentira eleitoral, para tentar convencer subliminarmente aos incautos, que o governo petista se "preocupa com o povo"
 
Os nazistas recrutaram os medíocres que sujeitaram-se a permanecer no país fazendo o jogo do poder. Não digo que este seja o caso da Camila Pitanga, mas a "ideologia é mais presente, quando não a percebemos" (Herbert Marcuse, no livro Ideologia da Sociedade Industrial) .
 
O PT tem um projeto de poder totalitário, e isso já está claro. O Haddad em São Paulo, faz parte deste projeto de poder. O Lula já afirmou isto subliminarmente em uma entrevista:
 
 (Lula disse que nem ele nem o povo brasileiro estão preocupados pelo julgamento (do mensalão), mas sim pelo resultado das eleições em São Paulo e pela possibilidade do Palmeiras cair para a segunda divisão.

"O povo não está preocupado com isso (o julgamento do mensalão). Está preocupado se o Palmeiras vai cair para a segunda divisão ou se o Fernando Haddad (candidato petista à prefeitura de São Paulo) vai ganhar", disse Lula.
http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/efe/2012/10/07/lula-diz-que-povo-esta-interessado-se-o-palmeiras-vai-cair-e-nao-no-mensalao.htm)
Em outras palavras, São Paulo é uma prioridade! O PT quer se apoderar da cidade, quiçá, do estado. 

Diante disto, acho eleitoreira esta propaganda da Caixa! Se eu fosse do comitê eleitoral do Serra, pedia a suspensão do comercial.






Nenhum comentário:

Postar um comentário

Praça do Mercado.